Uma iniciativa do Itaipuland – Hot Park, Resort & Spa Thermal, empreendimento do ramo de Turismo associado a Adetur Cataratas e Caminhos, quer transformar o município de Itaipulândia em um destino de turismo integrado a Foz do Iguaçu.

FullSizeRender (18).jpg

A intenção da diretoria do parque termal é envolver a cidade em um planejamento para trabalhar o turismo tornando a cidade um ‘braço’ de Foz do Iguaçu. Hoje, a Terra das Cataratas é excelência no ramo com alta ocupação de turistas, hospedagens e terceiro destino de turistas estrangeiros no Brasil. Itaipulândia está no caminho para atingir o mesmo objetivo.

A ideia é oferecer o que Itaipulândia possui, não apenas o monumento de Nossa Senhora Aparecida, mas também o agrobussines, turismo aquático, navegação, pescaria e através do Parque, oferecer o circuito termal para que o turista esteja o ano todo, principalmente no inverno, frequentando os atrativos de Itaipulândia.

Na manhã dessa terça-feira (18), uma reunião foi realizada envolvendo lideranças e autoridades do ramo de turismo em Itaipulândia. Na reunião participaram o  diretor executivo da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis – ABIH Regional Oeste PR, Jefferson Amorim, presidente do Sindicato das Agências de Turismo do Estado do Paraná – Sindetur Regional, Licério Santos, representante do Governo do Estado, Ivone Barofaldi, Secretário de Indústria e Comércio de Itaipulândia, Vilmar Alves, chefe de gabinete de Itaipulândia, Douglas Tozzi, diretor geral do Itaipuland – Hot Park, Resort & Spa Thermal, Julio Gaspar e a coordenadora de projetos da Adetur Cataratas e Caminhos, Dayane Passos.

De acordo com a gerente de relacionamento com o mercado do Itaipuland – Hot Park, Resort & Spa Thermal, Silvana Canal, entre as ideias abordadas esteve os hotéis disponíveis em Itaipulândia que podem abrigar os turistas que chegam até Foz.

“Agora em julho, os hotéis de Foz do Iguaçu estão lotados, então, porque não criar pacotes de destino para Itaipulândia e fazer com que os agentes de viagens vendam o ‘Destino Itaipulândia’ para que passem um ou dois dias na cidade. Isso irá beneficiar, o comércio, artesanato, gastronomia e consequentemente o parque”, explica a responsável.

FullSizeRender (17).jpg

A primeira ação foi ouvir as autoridades e lideranças do turismo para, a partir daí, iniciar um plano estratégico de desenvolvimento do turismo integrado de médio e longo prazo. Segundo Silvana Canal a iniciativa é do Itaipuland por ser um grande atrativo de turismo no município. Itaipulândia é uma cidade bem localizada, geograficamente bonita e não se pode trabalhar sozinho, por isso, o município está abraçando o projeto.

“Iremos continuar as reuniões, formularemos uma proposta apresentando o parque, toda a estrutura da cidade e no final desenvolveremos ações de marketing, comercial e fechar com o trabalho das agências de viagens para que vendam nosso ‘Destino Itaipulândia’, pois a ideia não é apenas trazer os turistas, mas também grandes investidores”, finaliza.

Da Assessoria Adetur com Assessoria Itaipuland

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s